Serra dos meus sonhos dourados

Carlinhos Bem-te-vi

Serra dos meus sonhos dourados
Onde nos fomos criados
Hei de morrer
Não desfazendo de ninguém
Serrinha custa mais vem

Joana cadê minha viola
Que eu mandei você guardar
Ela não é de vinho
Não de peroba é de jacarandá
Quem é mesmo da Serrinha
Trata o samba com respeito
Traz a s cores verde e brando
Do lado esquerdo do peito

Serra dos meus sonhos dourados
Onde nos fomos criados
Hei de morrer
Não desfazendo de ninguém
Serrinha custa mais vem

Deodoro deu um tiro
Madureira estremeceu
A Serrinha que era o forte
Do lugar nem se mecheu
Deco que é irmão do tipo
Que casou com a Chica
Mandou me convidar
Para avistar a Serrinha
Numa noite linda cheia de luar

Serra dos meus sonhos dourados
Onde nos fomos criados
Hei de morrer
Não desfazendo de ninguém
Serrinha custa mais vem

Vou ao samba da Serrinha
Pra rever o meu amigo Tuninho
Ele fica com as brancas
E deixa as pretinhas pra mim
Lá n o morro da Serrinha
Samba preto samba branco
Samba quem ta de chinelo
Quem ta de sapato
Quem ta de tamanco

Direto





ficha técnica da faixa
Dona Ivone Lara: voz