Convicção tardia

Dona Ivone Lara / Bruno Castro

Quando soubeste o que é o amor
Eu já tinha sofrido o maior dissabor
Não acreditavas em mim, tenho convicção
Nem na palavra inspirada do meu coração

Mas descobri que no amor
O benefício ampara o provedor
Exercitei minha emoção
E hoje, vivo o esplendor
De uma nova paixão

Na terra seca que chorei
Nasceram flores
Que em lágrimas reguei
Do desamor nasceu canção
Que, hoje, embala o pranto
De quem clama o meu perdão


© Warner Chappell Edições Musicais LTDA /
Convicção tardia
ouça a música
em Nas escritas da vida (com Bruno Castro), 2010 Áudio