Destino

Dona Ivone Lara / Bruno Castro



Tristeza pra mim, nunca mais
Ficaram todas no caminho
Refiz amizade com a paz
Mudei da água pro vinho
Pois só encontrei no meu samba
Mais força pra continuar

O fruto regado por bambas
Sem medo de errar

Fiz do Samba meu lar, meu destino
Um caminho que eu vivo a trilhar
Toda mágoa desfaz-se em meu Pinho
Me transporta à canção, meu prazer é cantar
O meu Samba é meu cais, minha prece
Minha verve, meu chão, o licor

E na avenida eu vou passar cantando
E desse amor eu vou me embriagar


© Warner Chappell Edições Musicais LTDA /
Destino
ouça a música
em Nas escritas da vida (com Bruno Castro), 2010 Áudio