Nem é preciso falar

Dona Ivone Lara / Délcio Carvalho

Nem é preciso falar
Eu leio o teu pensamento
Vem, vamos comemorar,
O fim do nosso tormento

Sei que de tanto rolar,
Qual uma folha caída
Soubeste, enfim, conquistar
O teu espaço na vida
Loucura, desventura
acontece a qualquer mortal
Bem pouca gente encontra até felicidade
Nas pedras das ruas
E quem encontra
Não pode deixar escapar

E, ao renascer das cinzas,
Minha Fênix deixa eu te abraçar
Com toda sinceridade a felicidade de ver retornar
A alegria que tinha no olhar



© Direto /
Nem é preciso falar
ouça a música
em Bodas de Coral no samba brasileiro - Dona Ivone Lara e Délcio de Carvalho, 2010 Áudio