Não me maltrata

Dona Ivone Lara / Bruno Castro

Prova de amor, por favor, não é assim
Não me maltrata
Sabe o duro que dei pra ser seu bem
Me foi ingrata
Quando eu disse a você pra não chorar
Sua cascata
Tanta paixão que rolou
Mas o amor se cansou
Hoje, meu desprezo é ouro
Seu valor é prata

Você foi a grande ilusão
Que um dia na vida eu acreditei
Foi mais um sonho tristonho
Num mar de mentiras que eu quase afoguei
Hoje, eu não ando ao seu lado
Não sou um brinquedo pra desilusão

O seu amor é passado não bata na porta do meu coração
Prova que não me traíste
Prova que eu insiste em querer saber
Prova e se a prova é da boa
Eu não te reprovo e pago pra ver
Provavelmente provável
Mas tão improvável pro meu coração
O meu amor não te aprova
Você é a prova da desilusão


© Direto /
Não me maltrata
ouça a música
em Baú da Dona Ivone, 2012 Áudio