Samba, minha raiz

Dona Ivone Lara / Délcio Carvalho

O samba reinou a noite inteira
De uma tal maneira
Que espantou a tristeza
Provando que o samba de raça
Tem força e pureza
Quem samba Partido Alto samba miudinho
O faz com ardor e carinho
O corpo se libertando
Ginga na cadência
Que é vida apesar de tão sofrida
Faz o mal se afastar
Ah, como a gente oferece
Tudo que vive a sonhar
Ginga na cadência que é vida
Apesar de tão sofrida faz o mal se afastar
E toda gente feliz, cantar

Ai, meu Deus, como agradeço por nascer
O samba é minha raiz
Minha herança, meu viver
Me consola a beleza
Que ninguém deseja achar
Me guia na minha incerteza
Não me deixa tropeçar


© EMI Songs do Brasil Edições Musicais LTDA /
Samba, minha raiz
ouça a música
em Samba minha verdade, samba minha raiz, 1974 Áudio