Em cada canto uma esperança

Dona Ivone Lara / Délcio Carvalho

Em cada canto uma esperança
Cada tristeza um desejo
De ser feliz e ter na vida
Um carinho um momento
Sem pensar em sofrimento
Vai, vai meu samba triste
Vai mostrar que ainda existe
O poder do amor

Hás de alegrar
Tanta gente aí
Que desconhece seu valor

Passam dias, meses, anos
Vai aumentando o deserto
Ambição, inveja, engano
Coisas que se vê de perto
Gente que passa no mundo
E não deixa uma saudade
Nunca teve alegria
Nem um gesto de bondade
Eu me amarro no meu samba
E meu sentimento se agita
É a forma mais bonita
De empurrar os meus dias
O meu samba principia
Quando amo de verdade
E se vai sem fantasia
Na mais pura liberdade


© Edições Musicais Tapajós LTDA /
Em cada canto uma esperança
ouça a música
em Samba minha verdade, samba minha raiz, 1974 Áudio