a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z [todos]
A felicidade segundo eu
A festa
A força do criador
A menina e o tempo
A procura da felicidade
A sereia Guiomar
Acreditar
Adeus à solidão
Adeus ao Senhor da Razão
Adeus timidez
Agora
Agradeço a Deus
Alguém me avisou
Alvorecer
Amor sem esperança
Andei para Curimá
Apito de ouro
Aprendi a sofrer
Axé de Ianga (Pai Maior)
Baila no ar
Bodas de ouro
Canção de felicidade
Canção em madrigais
Candeeiro da vovó
Cansei de esperar você
Canto do meu viver
Carlos Drummond de Andrade (E agora José)
Castelo de ilusão
Chorei confesso
Cigana
Com ele é assim
Confesso
Convicção tardia
Coração apaixonado
Coração por que choras?
De braços com a felicidade
Derradeira melodia
Destino
Deus está te castigando
Dia do samba no Bonfim
Divina missão
Dizer não pro adeus
Ela é a rainha
Em cada canto uma esperança
Enredo do meu samba
Esbanjando alegria
Esbanjando alegria
Escravo da dor
Espelho da vida
Essência de um grande amor
Força da imaginação
Império e Portela
Investida fatal
Liberdade
Luz da paz
Mas quem disse que eu te esqueço
Me abandonaste
Me deixa ficar
Menino brasileiro
Meu samba é luz, é céu e mar
Minha verdade
Muro das lamentações
Na própria palma
Não chora neném
Não é miragem
Não fique a se torturar
Não me maltrata
Não me perguntes
Nas asas da canção
Nas escritas da vida
Nas sombras da vida
Nasci pra sofrer
Nasci pra sonhar e cantar
Nem é preciso falar
No coração de Madureira
Noites de magia
Nos combates dessa vida
Nova era
Novo alvorecer
Nunca mais
O fim de carnaval não foi ruim
O meu amor tem preço
O Preá (incidental) / Luta Imperiana
O tempo passou
O trovador
Os cinco bailes da história do Rio
Outra vez
Palavra amiga
Poeta sonhador
Preá comeu
Quisera
Rainha Quelé
Razão e nostalgia
Receio o amor
Resignação
Sagrado lugar
Samba de roda pra Salvador
Samba, minha raiz
Sei sofrer
Sem amor sou ninguém
Sem cavaco, não
Sem dizer adeus
Sombras na parede
Sonho e saudade
Sonho meu
Sorriso de criança
Tendência
Tia Tereza
Tiê-Tiê
Um grande sonho
Unhas
Vai
Vai na paz
Vem novamente
Vento da tarde
Vida que a gente leva
Você confessou